Pistoleiros executam diretor de rádio, universitário e adolescente

COMPARTILHE NA SUA REDE SOCIAL

Crime foi na noite de sábado, em Sanga Puitã

Luana Rodrigues*

Três pessoas foram assassinadas a tiros de fuzil no distrito de Sanga Puitã, em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia que faz fronteira com Ponta Porã. O crime foi na noite de ontem.

De acordo com informações do site Porã News, os mortos foram identificados como Julio Cesar Ortiz Ferreira, paraguaio, 40 anos, diretor da rádio Tupi FM; Alessandro Nunes de Moura, brasileiro, 20 anos, acadêmico de Engenharia Civil;  e o adolescente Gabriel Zaracho Moura, brasileiro, 16 anos.

Todos estavam a bordo de um veículo Golf, quando foram abordados pelos pistoleiros, que estavam numa caminhonete branca.

As vítimas conseguiram sair do veículo, mas dois acabaram executados ao lado do carro e o terceiro tentou se esconder atrás de uma árvore, onde acabou morto a tiros, já que os pistoleiros teriam descido da caminhonete para certificar a execução.

Os criminosos realizaram vários disparos de fuzil do calibre 7.62 e pistola do calibre 9mm.

Ainda segundo o site, as vítimas são bastante conhecidas na região. Informações indicam que a execução pode ter relação com um ajuste de contas entre facções criminosas que atuam na fronteira, mas a polícia não descarta nenhuma hipótese.

O caso é investigado pela Divisão de Homicídios e a Direção de Investigações de Casos Puníveis, da Polícia Nacional do Paraguai de Pedro Juan Caballero.

Legenda: Policiais no local do crime – Foto: Porã News

COMENTE AQUI