Preso com R$ 10,5 mil em notas falsas diz que dinheiro era para massagem

COMPARTILHE NA SUA REDE SOCIAL

Homem estava em um ônibus que saia de Ponta Porã com destino ao Mato Grosso

Tero Queiroz*

Devalmir Jesus da Silva, de 35 anos, foi preso por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na tarde de ontem, sexta-feira (8), após ser flagrado levando em um ônibus que saia de Ponta Porã, cerca de R$ 10,5 mil em notas falsas.

O homem disse que usaria o dinheiro para realizar massagem tântrica, em Rondonópolis, no Mato Grosso.

Conforme a polícia, o suspeito estava em um poltrona nos fundos do ônibus, e ao adentrar o veículo, os policiais notaram o nervosismo de Devalmir. Diante da suspeita,  policiais iniciaram revista, dentro de uma mochila que Devalmir levava no colo, foram encontradas as 210 cédulas, distribuídas em maços de R$ 50, todas falsas.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia de Polícia Federal de Ponta Porã, onde suspeito será autuado por transportar notas falsas e pode pegar de 2 há 12 anos de prisão, em caso de condenação.

COMENTE AQUI