ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

Bombeiros de MS atuam no combate a dois incêndios florestais, no Pantanal e em Naviraí

O Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul atua em dois incêndios florestais ativos no estado, no Pantanal – na divisa com o Mato Grosso – e no município de Naviraí. A região pantaneira, próximo ao Rio São Lourenço, estava sob monitoramento presencial e por satélites desde o fim do mês de abril, quando o incêndio foi identificado no Parque Nacional do Pantanal Mato-Grossense, no estado vizinho.

Porém, desde terça-feira (7), o foco passou para o lado sul-mato-grossense do bioma, por conta das condições climáticas adversas no local, com temperatura acima da média para o período e baixa umidade relativa do ar, além de ventos com velocidade significativa, contribuindo para a propagação do fogo. As equipes utilizaram motobomba para combater as chamas na área atingida pelo incêndio, que continua monitorada.

Em Corumbá, o Corpo de Bombeiros Militar mantém duas equipes para acompanhar a queima controlada na base da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), na área conhecida como Passo do Lontra, no Pantanal da Nhecolândia.

Já em Naviraí, a equipe de solo mantém o trabalho de monitoramento e combate aos focos próximos aos assentamentos e a BR-487. E nos municípios de Costa Rica e Porto Murtinho, equipes realizam visitas nas propriedades rurais, para orientar ações preventivas e reforçar a importância da união dos proprietários rurais e do poder público no combate aos incêndios florestais.

A situação climática no Estado, com chuvas abaixo da média – desde o fim de 2023 – e seca, intensificam a ocorrência de incêndios florestais. Para atuar de forma preventiva, e diminuir a quantidade de biomassa que pode servir como combustível para o fogo, no mês passado foi realizado trabalho de queima controlada no Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema.

No parque, localizado na região oeste do Estado, os bombeiros fizeram queima controlada – iniciada no dia 11 de abril e realizada durante todo o mês passado – em uma área de 150 hectares.

Porém, no sábado (27 de abril), após a ocorrência de um incêndio de grandes proporções na rodovia BR-487, os militares passaram a atuar no combate ao fogo na área. Na segunda-feira (29), o Grupamento de Operações Aéreas do CBMMS (Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul) lançou, com a aeronave Air Tractor, mais de 34,1 mil litros de água.

O incêndio atingiu aproximadamente 300 hectares da região, que é monitorada no local e também na sala de situação do comando de incidentes da Diretoria de Proteção Ambiental, localizada em Campo Grande.

Preparação

Desde o início da fase de prevenção e preparação para a temporada de incêndios florestais deste ano, no dia 2 de abril, foram realizadas 470 ações entre formações de brigadas, resgaste de animais, ações educativas em escolas, aceiros, manutenções em vias e pontes, visitas e vistorias técnicas em fazendas e comunidades locais.

No mesmo período, foram sete queimas controladas e dois combates diretos, entre outras ações necessárias para apoio, manutenção e teste de equipamentos, viaturas e militares, com mais de 10,2 mil quilômetros percorridos nas ações preventivas com orientações a mais de 1 mil crianças e adolescentes.

Atualmente, 37 bombeiros militares atuam de maneira exclusiva nas ações de combate aos incêndios florestais no Estado.

Natalia Yahn, Comunicação Governo de MS
Fotos: CBMMS

COMPARTILHE AGORA MESMO