ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

Conheça plataforma digital que permite registrar em cartório desejo de ser doador de órgãos

O registro poderá ser feito em qualquer Cartório de Notas de Mato Grosso, e a perspectiva é que a vontade do doador prevaleça, mesmo após a morte

Por Joice Gonçalves*

Os doadores de órgãos de Mato Grosso agora podem manifestar – por meio de um documento digital a vontade de doar órgãos. O novo recurso se chama Aedo (Autorização Eletrônica de Doação de Órgãos, Tecidos e Partes do Corpo Humano), e poderá ser registrado em qualquer Cartório de Notas de Mato Grosso. A perspectiva é que a vontade do doador prevaleça, mesmo após a morte.

Para acessar a autorização e preencher o formulário com a declaração voluntária de doação de órgãos, os interessados podem acessar o link.

um so coracao card apoio 01
Campanha Nacional de doação de órgãos. (Foto: Reprodução)

O lançamento da AEDO marcará o início da campanha “Um Só Coração: seja vida na vida de alguém”. A proposta do programa é aumentar o número de doações e fomentar a discussão na sociedade sobre a importância do ato de solidariedade.

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil é referência mundial na área de transplantes e possui o maior programa público de transplante de órgãos, tecidos e células do mundo, que é garantido a toda a população por meio do SUS (Sistema Único de Saúde).

No Brasil, a doação de órgãos e tecidos só acontecia com a autorização familiar, através da doação consentida, por isso o AEDO é uma campanha que pode ser revolucionária para ajudar outras pessoas.

 

COMPARTILHE AGORA MESMO