ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

Eleição na Assomasul consolida liderança de Valdir Júnior

Governador Eduardo Corrêa Riedel e o ex-governador Reinaldo Azambuja apoiam o consenso na Assomasul que fortalece o municipalismo 

Um consenso entre os prefeitos garante a permanência de Valdir Júnior, prefeito de Nioaque, na presidência da Assomasul – Associação de Municípios de Mato Grosso do Sul. A eleição na entidade está marcada para o dia 10 de janeiro de 2023 e terá chapa única.

Valdir Júnior e prefeitos aliados conquistaram resultados significativos para entidade no primeiro mandato, o que credenciou para a permanência à frente da entidade  para o novo biênio, sempre trabalhando pelo fortalecimento do municipalismo. O ex- Governador Reinaldo Azambuja e o atual Governador Eduardo Corrêa Riedel apoiam a união entre os gestores municipais sul-mato-grossenses para garantir que a Assomasul continue com uma administração moderna e que atua de mãos dadas com o Governo do Estado.

“Nós queremos manter a união dos prefeitos para que o trabalho da atual diretoria possa continuar e que seja ampliado”, afirma Valdir Júnior.

Além do prefeito Valdir Couto, a chapa de consenso tem como primeiro vice-presidente o prefeito de Antônio João, Marcelo Pé , como segunda vice-presidente, a prefeita de Sidrolândia, Vanda Camilo, como secretário-geral, o prefeito de Alcinópolis, Dalmy Crisostomo da Silva, como primeiro tesoureiro, o prefeito de Itaquiraí, Thalles Henrique Tomazelli, e como segundo tesoureiro, o prefeito de Rio Negro, Cleidimar da Silva Camargo.

Desde que assumiu a presidência da Assomasul em 2021, Valdir Junior imprimiu um modelo de gestão arrojado e transparente e fez com que a Associação ganhasse voz no cenário municipalista nacional. O prefeito de Nioaque conduziu o diálogo entre Governo do Estado e municípios para definir as estratégias de combate a epidemia de Covid 19. Essa ação fez o Mato Grosso do Sul liderar o ranking de vacinação no Brasil.

A atual diretoria esteve atuante nas discussões importantes junto a CNM – (Confederação Nacional de Municípios) tais como a PEC que incluiu o parcelamento da dívida previdenciária dos municípios com regimes geral e próprio e a PEC que proíbe a criação de despesas para os municípios sem determinar a fonte de custeio, entre outras.

A Assomasul também esteve na interlocução com o Governo do Estado para a criação do Portal que permite o acompanhamento em tempo real da distribuição do ICMS e IPM e foi protagonista na aprovação do REFIC do Tribunal de Contas.

Além disso, a atual gestão participou de eventos municipalistas, seminários e congressos e levou o nome da Assomasul para várias partes do Brasil e América do Sul, fazendo com que a Associação se tornasse referência em ações municipalistas.

A Associação, na gestão de Valdir Junior, a tradicional Copa Assomasul teve o maior número de inscritos da história e a maior premiação para a equipe (município) campeã, O evento se tornou o mais importante campeonato de esporte amador do Mato Grosso do Sul. Todas as conquistas obtidas e com propostas para ampliação de serviços prestados fazem com que o nome de Valdir Júnior ganhe força entre os prefeitos para que sua gestão tenha continuidade e o municipalismo seja pauta prioritária nos debates em Mato Grosso do Sul e no Brasil.

“A luta municipalista não é só dos gestores públicos e sim de toda a população, pois é nas cidades que as pessoas vivem e trabalham e garantir que elas possam morar em municípios fortes é melhorar a vida de cada um. Vamos continuar nesta missão tão importante para o nosso Estado e para o país”, afirmou Valdir Júnior.

 

COMPARTILHE AGORA MESMO