ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

Filho de juiz é executado com tiros de fuzil em frente a padaria de cidade na fronteira com Paraguai

Por g1 MS

Morte é investigada pela Polícia Civil de Ponta Porã (MS).  — Foto: Reprodução

Morte é investigada pela Polícia Civil de Ponta Porã (MS). — Foto: Reprodução

Emanuel Fernandes Abelha, de 41 anos, foi executado a tiros de fuzil em frente a uma padaria, em Ponta Porã (MS) – região de fronteira entre Brasil e Paraguai -, neste domingo (16). O homem morto é filho do juiz aposentado Mário Eduardo Fernandes Abelha.

Conforme as informações, Emanuel foi executado com vários tiros de fuzil quando saia de um carro. O homem foi morto em plena a luz do dia. O crime chocou a população de Ponta Porã pela brutalidade.

Assim que receberam o crime, a Polícia Militar foi ao local e encontrou a vítima morta no chão. Equipes oficiais acessaram imagens de câmera de segurança para ajudar no esclarecimento do crime.

Ainda não sabe o motivo da execução. Suspeito do homicídio segue foragido.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Ponta Porã e foi registrado como “homicídio qualificado pela traição, de emboscada, ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa da vítima”.

COMPARTILHE AGORA MESMO