ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

Quase um terço da ponte da Bioceânica que viabiliza megaestrada que liga o Brasil ao Chile já está pronto

Por Anderson Viegas, g1 MS

Governo paraguaio diz que 30% das obras da ponte da Bioceânica já foram concluídas — Foto: MOPC/Divulgação

Governo paraguaio diz que 30% das obras da ponte da Bioceânica já foram concluídas — Foto: MOPC/Divulgação

O Ministério de Obras Públicas e Comunicações do Paraguai (MOPC) aponta que 30% das obras da ponte de Bioceânica já foram concluídas. A estrutura ligará a cidade paraguaia de Carmelo Peralta ao município brasileiro de Porto Murtinho, em Mato Grosso do Sul.

O Ministério de Obras Públicas e Comunicações do Paraguai (MOPC) aponta que 30% das obras da ponte de Bioceânica já foram concluídas. A estrutura ligará a cidade paraguaia de Carmelo Peralta ao município brasileiro de Porto Murtinho, em Mato Grosso do Sul.

O Ministério de Obras Públicas e Comunicações do Paraguai (MOPC) aponta que 30% das obras da ponte de Bioceânica já foram concluídas. A estrutura ligará a cidade paraguaia de Carmelo Peralta ao município brasileiro de Porto Murtinho, em Mato Grosso do Sul.

A estrutura é fundamental para viabilizar a Rota Bioceânica rodoviária, a megaestrada que possibilitará ligar o oceano Atlântico ao Pacífico, no Chile, tendo Porto Murtinho, em Mato Grosso do Sul, como ponto de saída do Brasil.

A megaestrada, segundo estudos da Empresa de planejamento e logística (EPL) pode encurtar em mais de 9,7 mil quilômetros de rota marítima a distância nas exportações brasileiras para a Ásia. Em uma viagem para a China, por exemplo, pode reduzir em 23% o tempo, cerca de 12 dias a menos.

COMPARTILHE AGORA MESMO