ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

Receita Federal em Ponta Porã/MS facilita exportação de cavalos do Exército Brasileiro ao Exército Paraguaio

Quatro equinos foram doados pelo Exército Brasileiro ao Exército Paraguaio

Na sexta-feira 24 de maio, os animais tiveram o desembaraço de saída efetuado pela Receita Federal em Ponta Porã com a celeridade e a prioridade que a carga viva exige. Dessa forma, a Receita Federal contribui para a facilitação das transações entre os dois países e, assim, coopera com as ações comerciais entre as duas nações amigas.

A proximidade geográfica das cidades de Ponta Porã, no Brasil, e Pedro Juan Caballero, no Paraguai, permitiu que o despacho de exportação fosse realizado por via terrestre, com alta prioridade. A partir do desembaraço, da anuência do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) e das assinaturas das autoridades brasileiras, os equinos seguiram para uma quarentena na cidade de Pedro Juan Caballero para, dpois, serem levados ao destino na cidade de Assunção.

Dentre os animais, havia uma fêmea e três machos, totalizando cerca de R$20 mil.

A solenidade de formalização da doação dos quatro equinos do 11º Regimento de Cavalaria Mecanizado em Ponta Porã aconteceu no Círculo Militar de Ponta Porã (Cimporã) ontem (23). Da Receita Federal, estiveram presentes na solenidade: o auditor-fiscal e delegado da Alfândega de Ponta Porã, José Ricardo Moreira; a auditora-fiscal e delegada-adjunta Juliana Moreira Senna Guimarães; o auditor-fiscal Ricardo Gheno e a representante de comunicação, a analista-tributária, Tatiana das Neves Leme.

Do Exército Brasileiro, estiveram presentes: o comandante do 11º Regimento de Cavalaria Mecanizado, o tenente coronel Alexandre Lepri de Medeiros; o tenente coronel Endrigo Buscarons da Silva, assessor de cavalaria da cooperação militar brasileira no Paraguai; o capitão pttc Pedro Paulo da Silva, da divisão de importação e exportação de material; o subtenente de cavalaria Anderson Goulart de Deus, adjunto de comando do regimento.

Do Exército Paraguaio, o tenente coronel Ricardo Alejandro Villalba Alende, diretor do curso de equitação da escola de equitação; o cap Bruno Souza Correa, instrutor de equitação e
blindados da Escola de Cavalaria; o tenente cav Juan Carlos Melgarejo Alvarenga, instrutor de equitação da Escola de Cavalaria.

Do MAPA, a auditora fiscal Ana Cláudia Marin Cardoso.

COMPARTILHE AGORA MESMO