ACESSO FÁCIL
Pesquisar
Close this search box.

UEMS e Governo do Estado realizam “Pantanal Tech MS” nos dias 28 e 29 de junho em Aquidauana

Este é o maior evento de tecnologia da região pantaneira

O Pantanal Tech MS ocorrerá entre os dias 28 e 29 de junho de 2024, na Unidade Universitária de Aquidauana da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), é resultado da parceria estratégica entre a UEMS e o Governo do Estado de MS, sendo organizado por entidades importantes como a Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect), Fundação MS e Embrapa Pantanal, dentre outras.

O evento conta com o apoio dos cursos de Graduação e de Pós-graduação (Mestrado e Doutorado) da UEMS: Agronomia, Engenharia Florestal e Zootecnia.

A unidade de Aquidauana da UEMS será palco do  Pantanal Tech MS 

Trata-se de um evento inovador com o objetivo de proporcionar interação entre os diversos atores do desenvolvimento sustentável do Pantanal de MS, atentando para as tecnologias e inovações existentes, numa agenda positiva de sustentabilidade, considerando os diversos produtos oriundos deste bioma.

O reitor da UEMS, Laércio Alves de Carvalho, ressalta que a Universidade tem o orgulho de realizar este que é o maior evento de tecnologia da região pantaneira. “A proposta do Pantanal Tech MS é apresentar uma agenda positiva entre sustentabilidade e produção na região geográfica do bioma Pantanal, de modo a divulgar as boas práticas tecnológicas e inovadoras da produção sustentável. Em breve teremos o lançamento do evento pelo Governador do Estado de MS,  Eduardo Riedel, e demais Instituições apresentando a programação e as informações do evento”, afirma o reitor.

Reitor da UEMS, Laércio de Carvalho, juntamente com o Governador do Estado de MS,  Eduardo Riedel, em reunião alinhando os detalhes do Pantanal Tech MS 

O Pantanal Tech MS trabalha no Eixo estratégico “Desenvolvimento sustentável do Pantanal”, que abrange: Agricultura familiar, Agroindústria, Agronegócio, Agropecuária sustentável, Economia criativa, Empreendedorismo, Geração de renda, Inclusão produtiva, Inovação, Sustentabilidade e Turismo. Também busca inserir dentro do contexto do bioma, oportunidades e desafios da Rota Bioceânica, além de buscar inserir o Pantanal na temática da COP 30, observado os desafios da Agenda 2030 e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS).

Confira os principais temas que serão discutidos:

• Produção sustentável no Pantanal: da mesa à exportação

• Boas práticas de produção sustentável no Pantanal

• Rota Bioceânica: oportunidades e desafios para o Pantanal

• COP 30/Agenda 2030/ODS

• Agricultura familiar, de ribeirinhos e de povos originários

• Fazenda Pantaneira Sustentável

• Preparando as futuras gerações

• Turismo de Pesca Sustentável: mudança de conceito; turismo de serra e charme

• Protocolo de carne sustentável e orgânica do Pantanal

• Manejo de pastagens; manejo e recuperação de pastagens nativas e exóticas

• Uso e conservação dos solos do Pantanal

• Manejo genético e reprodutivo

• Programa estadual de pagamento dos serviços ambientais

• Crédito de Carbono

COMPARTILHE AGORA MESMO