Após apreensão de grande carga de cerveja, PF e Receita fazem ação contra contrabando de bebidas vindas do Paraguai

Por Graziela Rezende, G1 MS

Apreensão de carga de cerveja em rodovia de MS — Foto: Receita Federal/Divulgação

Apreensão de carga de cerveja em rodovia de MS — Foto: Receita Federal/Divulgação

A Receita Federal e a Polícia Federal (PF) deflagraram, nesta terça-feira (4) a operação Sabazius, com a intenção de desarticular um grupo criminoso suspeito de praticar o crime de contrabando de bebidas alcoólicas.

As investigações apontaram a obtenção de benefícios fiscais indevidos, principalmente no caso de cervejas que, previamente haviam sido exportadas. No entanto, teriam permanecido no Brasil para venda no mercado interno.

No decorrer das buscas, ainda conforme a PF e a Receita, foram identificadas operadores e empresas que emitem notas fiscais com o objetivo de “amparar” o transporte, em território brasileiro, dos produtos contrabandeados do Paraguai.

No mês de dezembro, por exemplo, houve a apreensão de um grande carregamento de cerveja na fronteira , que deveria ser destinado para exportação, porém, estava sendo transportado na BR-060, com destino a capital sul-mato-grossense.

A 3ª Vara Federal de Campo Grande determinou busca e apreensão em seis endereços e os mandados estão sendo cumpridos tanto nesta cidade quando em Ponta Porã, na região sul do estado.

O nome da operação faz referência ao Deus da Cevada e da cerveja, segundo a mitologia grega.

Arte mostra como funciona esquema de contrabandistas de cerveja e outras bebidas alcoólicas — Foto: Receita Federal/Divulgação

Arte mostra como funciona esquema de contrabandistas de cerveja e outras bebidas alcoólicas — Foto: Receita Federal/Divulgação

COMPARTILHE AGORA MESMO
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
COMENTE AGORA MESMO!