Com apoio do governo, prefeitos da região de fronteira estão otimistas com novas entregas à população

Os prefeitos dos municípios da região de fronteira com o Paraguai saíram das reuniões do Governo Presente em Ponta Porã, na tarde desta quinta-feira (20), animados com o futuro. Agradeceram ao governador Reinaldo Azambuja e ao secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, pelas obras reivindicadas na primeira fase do programa que já estão sendo implementadas e estão confiantes com as novas entregas à população por meio dessa parceria entre Governo do Estado e municípios. O prefeito da cidade-sede da reunião do Governo Presente, Ponta Porã, Hélio Peluffo, destacou essa característica municipalista e descentralizada da gestão Reinaldo Azambuja.

Prefeito de Ponta Porã, Hélio Peluffo, vistoria junto com o governador Reinaldo Azambuja e secretário Riedel obra executada no município

“Pela primeira vez na história de Mato Grosso do Sul discutimos projetos municipais com o Governo do Estado; as necessidades locais são discutidas à mesa, trazidos os projetos, e o governo partilha conosco a possibilidade dessas conquistas. Ou seja, deixamos de ir a Campo Grande com o pires na mão e hoje somos servidor na nossa casa com projetos estruturantes, projetos inovadores, projetos que vão melhorar a qualidade de vida”, enfatizou Peluffo.

Prefeito Aral Moreira Alexandrino Garcia

“Já temos obras concluídas através do Governo Presente. Mais uma vez trouxemos demandas e o governador Reinaldo Azambuja já nos deixou a garantia de que vai olhar com carinho e nos dará a resposta mais célere possível. O que a gente vê é um governo que quer ajudar os municípios e Aral Moreira não é diferente, o Governo tem nos ajudado ano a ano”, comentou o prefeito de Aral Moreia, Alexandrino Garcia.

Prefeito de Bela Vista, Reinado Piti

“Trouxemos demandas de infraestrutura, porque às vezes esperamos demandas federais e é muito prolongado o tempo e com essa demora não conseguimos cumprir as metas. Mas hoje, através do governo estadual, a gente está conseguindo cumprir as metas”, completou o administrador municipal.

“Trouxemos demandas em infraestrutura, que eu vejo hoje como uma grande prioridade. Saí satisfeito dessa reunião junto ao Eduardo (Riedel), junto ao Governo, para a gente dar uma continuidade e aumentar ainda mais as obras de infraestrutura no município com recursos vultosos, vai melhorar muito a vida da nossa população”, disse o prefeito Reinaldo Piti, de Bela Vista. O recapeamento da rua Barão de Ladário, centro comercial da cidade, é considerado prioridade pelo prefeito e que será executada com apoio do Governo do Estado.

Prefeito de Amambai, dr Bandeira

Estamos na fase de conclusão desse primeiro convênio que contemplou Amambai com várias ruas com asfalto, drenagem, e hoje estamos apresentando novas demandas importantes, entre elas a pavimentação da MS-289, que liga Amambai a Juti, que é a nova fronteira agrícola do município, ampliação e reforma do hospital regional, projeto de quase seis milhões de reais”, comentou Edinaldo Bandeira, o dr Bandeira, prefeito de Amambai.

O prefeito de Antonio João, Marcelo Pé, também saiu feliz e satisfeito dessa nova etapa do Governo Presente. Ele ouviu do governador Reinaldo Azambuja e secretário Riedel que a avenida Júlio Penzo, a mais importante do município, será recapeada.

Prefeito de Sete Quedas, Chico Piroli

“Falamos também dessa questão da estrada de Antonio João a Cabeceira do Apa, e eu sempre tenho dito à população que se não fosse o governador Reinaldo Azambuja não teria essa estrada porque são anos e anos de espera e isso nunca aconteceu. E ele ainda quando deputado ousou prometer isso, e muitos não acreditavam. E hoje, como governador, ele está lá, a obra está andando a todo vapor, a empresa que está fazendo esse trecho já pediu adiantamento de prazo, encurtou o prazo para entregar a obra, e isso mostra a eficiência do nosso governo, um governo municipalista que conhece nossa cidade e tem trabalhado muito por nós”, afirmou Marcelo Pé.

Prefeito de Coronel Sapucaia, Rudi Paetzold

Coronel Sapucaia também será mais uma vez atendido pelo Governo do Estado. “O sonho da nossa cidade, da nossa população, é ter um hospital novo, e agora o governador nos garantiu que vai construir esse hospital no valor de mais ou menos R$ 5 milhões. Isso vai ser um marco para nós em Coronel Sapucaia junto com nossa população”, comemorou o prefeito Rudi Paetzold.

Prefeito de Antonio João, Marcelo Pé

Prefeito de Sete Quedas, Chico Piroli, foi enfático: “O Governo Presente é um presente pra nós dos municípios do Conesul. O governo tem nos auxiliado em tudo, então só posso agradecer a Deus e a esse governador.  Ele sabe coordenar, é um homem que tem palavra e estuda para dar resposta. Mas com certeza, o que é prioridade a gente vai ser atendido, tenho sempre certeza disso”.

“Governo Presente é muito municipalista e tem colaborado muito com nós neste início de gestão”, destacou o prefeito de Tacuru, Rogério Torquetti. Ele citou que o pedido feito na primeira fase do programa (pavimentação e drenagem do conjunto habitacional Hilda Duré e da avenida Francisco Serejo Neto) está em andamento e nesta quinta-feira, o pedido feito é a troca de pontes de madeira pelas de concreto.

Paulo Fernandes, Mireli Obando e Paulo Yafusso

Fotos: Edemir Rodrigues

COMPARTILHE AGORA MESMO
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
COMENTE AGORA MESMO!