Ex-prefeita de Nioaque, Ilca Corral morre por complicações da Covid

Ilca faleceu dez dias após perder o marido para o COVID-19

Sarah Chaves*

A ex-prefeita de Nioaque, Ilca Corral Domingos faleceu aos 68 anos, na madrugada desta terça-feira (6), em decorrência da infecção por Covid-19.

A morte de Ilca, que esteve a frente a administração municipal de Nioaque por oito anos até 2012, ocorre 10 dias após a morte do marido, Anísio Domingos, também por Covid no dia 27 de março.

O JD1 Notícias, conversou com Wendell Lima Lopes, candidato a vice de Ilca nas eleições 2020, o qual informou que o diagnóstico positivo para Covid, veio a pouco mais de duas semana, e que foi internada nos últimos dias. “Ela foi hospitalizada no final de semana e intubada de sábado para domingo, no Hospital da Unimed em Campo Grande”, afirmou. Ilca tinha residência em Campo Grande e Nioaque.

Conforme assessoria da Prefeitura de Nioaque, Ilca sempre foi fazendeira pecuarista antes de se candidatar, foi eleita prefeita em 2004 e se reelegeu e ganhou em 2008 novamente, concluindo o mandato até 2012.

Ano passado Ilca chegou a tentar a reeleição novamente, mas ficou em segundo, perdendo para o atual prefeito, Valdir Couto de Souza Júnior.

A Prefeitura Municipal de Nioaque emitiu uma nota de pesar, declarando luto oficial pela perda. “Reconhecendo sua importante contribuição para o município, fica decreto luto oficial devido a este triste fato. Encaminhamos a Deus um pedido de conforto e força a todos que neste momento estão inconsoláveis e que a receba no céu com festa pela chegada de uma filha que procurou cumprir na terra aquilo que lhe foi determinado”, publicou o executivo do município.

COMPARTILHE AGORA MESMO
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
COMENTE AGORA MESMO!