“MS Fronteiras” vai integrar ações em favor do empoderamento de mulheres e meninas


O Programa “MS Fronteiras”, agora oficialmente instituído por decreto estadual, vai unir 18 municípios fronteiriços com a Bolívia e o Paraguai, no desenvolvimento de ações para empoderar mulheres e meninas. A subsecretária da Políticas Públicas para Mulheres, Luciana Azambuja, explica que ao todo, 77 municípios serão envolvidos no trabalho.

Aqui no estado, serão trabalhadas as legislações que protegem mulheres, e também o contato com outras autoridades. Para isso, esses 18 municípios foram separados em blocos.

Inicialmente serão realizadas visitas para estabelecer e fortalecer a rede de atendimento a mulher.

Luciana ressalta que todos os profissionais envolvidos neste trabalho serão, inclusive, qualificados.

A intenção é que num segundo momento, essas pessoas se tornem multiplicadoras dos conhecimentos, visitando comunidades indígenas, quilombolas e ribeirinhas.

 

Katiuscia Fernandes – Subcom