No primeiro dia de trabalho Hélio e Caio realizam sonho de Cauã, o “talismã” da campanha eleitoral

Nivalcir Almeida*

Na intensa movimentação característica do início de trabalho do novo prefeito de Ponta Porã, Hélio Peluffo, o pequeno Cauã Cerenza, 8 anos, chamou a atenção. O menino, acompanhado pelos pais, chegou junto com o prefeito no seu gabinete.

Helio tinha um compromisso com Cauã: deixar o menino ser o primeiro a sentar na cadeira de prefeito. Ele explicou a deferência ao garoto que tem dificuldades de locomoção e é cadeirante: “Há quatro anos eu assumi um compromisso com o Cauã e seus pais. Este menino é considerado um talismã. Ele sempre fez campanha para mim. O Cauã me chamava de prefeito mesmo sem ser candidato. Ele brigou com seu pai quando o chamaram para ser candidato a vereador do partido de oposição. Defendia que a família deveria me apoiar. Aí eu prometi que ele seria o primeiro a se sentar nesta cadeira. O compromisso foi feito e hoje está sendo cumprido. Eu só esqueci a caneta do Palmeiras que ele me deu para assinar”, falou Hélio.

O prefeito ainda contou que o pequeno Cauã envia todo ano uma cartinha para o Papai Noel, pedindo presente. Mas, neste ano, o teor da carta foi diferente. “Ele escreveu assim: querido papai Noel, este ano eu não quero pedir presente. Só quero agradecer por tudo que eu consegui. Meu Palmeiras foi campeão e o Tio Hélio eleito prefeito. Muito obrigado”.

Legenda da foto:

Hélio e o pequeno Cauã, o primeiro a se sentar na cadeira de prefeito – Foto: Lécio Aguilera