Presos pistoleiros na fronteira

Quatro brasileiros foram presos na tarde desta quinta feira (12/01) em Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Pora (MS) pelo assassinato de Paulo Jacques e a academica de medicina Millena Soares, mortos com vários tiros no dia 02 de janeiro em Asunción, informou o ABC Color.

Durante a ação policial foram presos Gabriel Ferreira Santos, Leandro Lucas de Oliveira Dos Santos, Janderson Luis Sequeira e Peterson Lucas Cacenote de Souza. Eles foram presos em uma mercearia localizada na Rua Brasil esquina  Rua Manuel Domínguez del Barrio Guaraní de Pedro Juan Caballero.

Na ação policial esteve presente o Fiscal Antidrogas, Hugo Volpe, o diretor de Apoio Técnico Comisario Titular Abel Cañete, o Chefe de Investigação de Delitos, comisario principal César Silguero, o Chefe da Divisão de Homicídios, comisario principal Sergio Insfrán, integrantes do GEO e da Criminalística.

O crime aconteceu no dia 2 de Janeiro de 2017 quando o brasileiro Paulo Jacques e sua namorada Millena Soares foram assassinados no bairro Republicano de Asunción, por um grupo de pistoleiros distribuidos em duas camionetas. Os sicarios dispararam vários tiros contra a camionete que conduzia as vítimas.

Segundo o informe forense, Paulo Jacques apresentava 30 impactos de balas expansivas. A causa de morte foi shock hipovolémico múltiple, mientras que sua namorada , Millena Soares, so tinha um tiro na cabeça, que causou sua morte por traumatismo de cráneo encefálico.

No ataque houve uma sobrevivente, que é a testemunha chave para chegar aos autores do crime.

COMPARTILHE AGORA MESMO
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
COMENTE AGORA MESMO!