Silvana Terena diz que presidente da Assomasul abre diálogo importante para parcerias com indígenas

Presidente Valdir Júnior com Silvana Terena (Foto: Edson Ribeiro)

Willams Araújo

A Subsecretária de Políticas Públicas para a População Indígena do Estado, Silvana Dias de Souza de Albuquerque, a Silvana Terena, avaliou como muito importante à reunião desta segunda-feira (26) com o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Valdir Júnior, na qual discutiu-se uma ação conjunta no sentido de buscar recursos para investimento em terras indígenas em Mato Grosso do Sul.

Além de Silvana Terena, o dirigente municipalista recebeu em seu gabinete, em Campo Grande, o coordenador Regional da Funai (Fundação Nacional do Índio) de Campo Grande, Leopoldo José da Costa, e o técnico do órgão, Tiago, além do vereador Sérgio Terena, de Nioaque.

Ela disse que o presidente da Assomasul, que também é prefeito da cidade de Nioaque, abriu um diálogo importantíssimo na construção de parcerias com os indígenas.

“A proposta do presidente da Assomasul, Valdir Júnior, de abrir um diálogo entre a Funai Regional de Campo Grande e as demais regionais em parceria com nossa  Subsecretaria de Políticas Públicas para População Indígena,  é muito importante nesse momento, uma vez que nunca aconteceu uma conversa entre os prefeitos dos municípios que têm terras indígenas e a Funai, para discussão de assuntos relacionados à política pública social para nossas aldeias”, declarou ela, ao site oficial da entidade (www.assomasul.org.br), após o encontro.

A ideia, conforme a pauta da reunião, é buscar apoio da bancada federal no sentido de levar investimentos às terras dos 30 municípios onde existem reservas indígenas em Mato Grosso do Sul.

Valdir, Silvana Terena, vereador Sérgio Terena (Nioaque), Leopoldo José da Costa e Tiago (Funai). (Foto: Edson Ribeiro)

“Esta iniciativa é importante, pois o presidente Valdir Júnior propõe, através deste diálogo, buscar uma conversa com os parlamentares federais com o objetivo de solicitarem emendas direcionada à Funai de Mato Grosso do Sul e assim colocar a Subsecretaria Estadual Indígena como uma ponte de diálogo entre estes poderes”, acrescentou.

Segundo Silvana Terena, o compromisso assumido pelo presidente da Assomasul de buscar entendimentos com as autoridades públicas, em especial a representatividade do Estado no Congresso Nacional em favor de recursos para os povos indígenas é um acontecimento inédito em Mato Grosso do Sul.

“Eu acredito muito no potencial do diálogo entre as esferas federal, estadual e municipal. Eu fiquei muito satisfeita com a proposta do prefeito Valdir Júnior,  sabendo que no município dele, Nioaque, tem terras indígenas com quatro aldeias, e ele conhece  bem a realidade do nosso povo indígena e sabe de suas necessidades de políticas públicas. Realmente, fiquei muito feliz e satisfeita com presidente Valdir Júnior. Foi o primeiro presidente, realmente, a  ter essa preocupação tão especial, não só para sua cidade, mas  um olhar para todos os municípios onde residem nossa população indígena. Isso sim é  inclusão institucional”, destacou a subsecretária.

COMPARTILHE AGORA MESMO
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
COMENTE AGORA MESMO!