Mato Grosso do Sul registra oscilação de energia

Por G1MS

MS registra oscilação de energia por seis minutos — Foto: Divulgação

MS registra oscilação de energia por seis minutos — Foto: Divulgação

Mato Grosso do Sul registrou oscilação de energia em todas as regiões do estado nesta sexta-feira (28). Segundo a Energisa, concessionária que atende 74 dos 79 municípios do estado, em pelo menos sete cidades, além da oscilação, ocorreu também o fornecimento parcial de energia das 10h26 às 10h31.

Os outros cinco munícipios, sendo estes Três Lagoas, Selvíria, Anaurilândia, Santa Rita do Pardo e Brasilândia, o abastecimento é de responsabilidade da Elektro. Até a publicação dessa reportagem o G1 não obteve informações com a concessionária se essas cidades também sofreram oscilações no fornecimento de energia.

De acordo com o Operador Nacional do Sistema (ONS), as causas do problema teria acontecido numa linha de transmissão de energia no estado do Pará.

A concessionária no estado informou ainda que sete cidades sofreram interrupção parcial no fornecimento de energia sendo estas: Bodoquena, Dourados, Coxim, Paranaíba, além da região rural de Miranda, Bonito e Camapuã.

De acordo com a concessionária, o ONS ainda informou a atuação automática do esquema regional de alívio de carga, responsável por afetar a distribuição de energia em todo o estado. Às 10h31 a recomposição de carga autorizada pelo órgão só foi possível depois da estabilidade do Sistema Interligado Nacional.

Esquema regional de alívio de carga

O Esquema Regional de alívio de carga é um sistema de proteção nacional, que entra em ação automaticamente para reduzir momentaneamente a demanda de carga para preservar todo o sistema interligado do país. Ou seja, evita que regiões maiores fiquem totalmente sem o abastecimento de energia.

A Energisa ainda ressalta que a causa dessa interrupção não tem qualquer relação com a distribuição feita pela concessionária.

COMPARTILHE AGORA MESMO
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
COMENTE AGORA MESMO!