Prefeitura acelera centro de lazer no ´Kamel Saad´

Bairro populoso de Ponta Porã, moradores do Kamel Saad, na região norte da cidade, estão ansiosos aguardando para desfrutar do centro de lazer que está sendo construída pela prefeitura. O espaço será multifuncional. Localizado na avenida Loila Carrilho Novaes, esquina com a rua Parecis, contará com área multifuncional e terá toda estrutura para atender a comunidade como sala multiuso, playground, campo de futebol sintético e gramado, cozinha, quadras de areia e vôlei e academia ao ar livre.

A obra é uma parceria com a Câmara Municipal de Ponta Porã que destinou parte do duodécimo para o empreendimento. O prefeito Hélio Peluffo destaca que “já estamos na fase de implantação das quadras e estamos acelerando a obra para entregarmos o mais rápido possível”, enfatiza.

A obra do futuro centro de lazer contemplará toda a região, composta ainda pelos bairros Jardim Ivone, Gui Vilela, Jardim Independência e adjacências, possibilitando aos moradores ter um espaço para lazer e entretenimento totalmente completo por vários espaços em um mesmo lugar. “O Kamel Saad é um bairro que não possuía um espaço alternativo para as famílias e o centro de lazer contemplará toda a região”, afirmou o prefeito.

Desde o início da administração, as áreas de lazer têm recebido especial atenção em todas as regiões da cidade.

A Praça Roberto da Cruz Urizar – Acostinha, localizada entre os bairros BNH e Nossa Senhora do Amparo, na região do Santa Izabel, já foi revitalizada. A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Obras, efetua regularmente trabalho de limpeza e recuperação dos equipamentos utilizados pelas crianças e jovens que frequentam o local.

Hélio reforçou o compromisso de manter em boas condições todos os centros de esporte e lazer. Recentemente também foram feitos os primeiros reparos no Parque dos Ervais, uma das maiores áreas de lazer do interior de Mato Grosso do Sul. O local possui vários pontos que precisam ser revitalizados.

“Temos o compromisso de recuperar estas áreas. Por enquanto não podemos fazer mais do que reparos emergenciais, pois o custo é alto e não temos nem dinheiro nem equipamentos suficientes para este serviço. Em pouco tempo estaremos fazendo todos os reparos necessários nestas áreas que servem de locais para o desenvolvimento de atividades que contribuem para melhorar a qualidade de vida da população”, afirmou o prefeito.